Portuguese English Italian Spanish

Icon testemunhos

icon publica

ICON IMC90

Icons left ANUARIO

Jubileu da Inauguração do Santuário de Massangulo

Massangulo 2013 Cortada50º Aniversário da inauguração do Santuário de Massangulo

Os trabalhos de construção da Igreja-Santuário de Nossa Senhora da Consolata de Massangulo tiveram início em 1954 e duraram 10 anos. A igreja é ampla, majestosa, artística, surpreendendo a sua original arquitectura e a quantidade de obras de arte que adornam o seu interior, grande parte delas da autoria do próprio P. Calandri e dos alunos da escola de arte de Massangulo.
No Domingo, dia 3 de Janeiro de 1965, a igreja de Massngulo, foi benzida e inaugurada solenemente pelo primeiro Bispo de Lichinga, D. Eurico Dias Nogueira. A 20 de Maio de 2009, Dom Élio Greselin, Bispo de Lichinga, elevou a Igreja de Massangulo a Santuário Diocesano como sinal de agradecimento pelo trabalho realizado pelos Missionários e Missionárias da Consolata no Niassa e para invocar a protecção de Maria para a diocese de Lichinga.Calandri oração
 
A sepultura do P. Pedro Calandri (1893-1967), o fundador da Missão de Massangulo e principal artífice da construção do santuário, encontra-se numa capela lateral do santuário. É ainda hoje meta de peregrinação de muitos daqueles que o conheceram ou ouviram falar dele.
Continuar...
 
Festa de Nossa Senhora da Consolata

Peregrinos CoroMissão de Massangulo,  acolhe Festa da Peregrinação diocesana no Santuário dedicado a Nossa Senhora da Consolata

De 20 a 21 de Junho realizou-se a tradicional peregrinação diocesana ao Santuário de Nossa Senhora da Consolata de Massangulo. Além da comunidade de Massangulo, estiveram presentes peregrinos da Paróquia de Cuamba e da Paróquia de Mandimba com os respectivos párocos e vigários. De Cuamba participaram o P. William e o P. Salgueiro. Altar
Um bom número de peregrinos convergiu na tarde de ontem para Masssangulo.
O P. Sergio de Almeida, reitor do santuário, e o P. Ayres, juntamente com as Irmãs de Nossa Senhora da Paz e a comunidade de Massangulo, trabalharam para que tudo estivessem em ordem para acolher os peregrinos e a realização das cerimónias religiosas.
Seguiu-se a Eucaristia, presidida pelo Superior Regional, P. Diamantino Antunes. Durante a homilia recordou os 50 anos da inauguração do Santuário e no  final da Eucaristia, foi colocada uma fotografia do Padre Calandri na sua sepultura assim como um texto com a sua biografia e a história do Santuário de Massangulo.
Continuar...
 
Viagem ao Distrito da Marávia, Província de Tete

MapaMarávia e Zumbo: Nova Fronteira dos missionários da Consolata em Moçambique

Os Missionários da Consolata assumiram recentemente a responsabilidade de três missões na parte mais ocidental de Moçambique - Fingoè, Ucanha e Zumbo – pertencentes à diocese de Tete. É um regresso às origens, pois há precisamente 90 anos foram enviados pelo Beato José Allamano para esta terra. Por razões de carácter político e eclesial, permaneceram poucos anos pelo que ficou sem missionários desde 1971.

Na sequência da visita do Superior e do Ecónomo da Consolata da região de Moçambique leia, em Testemunhos, o relato da visita ao Zumbo e Marávia, pelo P. Diamantino Antunes

 

Continuar...
 
Conselho Presbiteral na Diocese de Lichinga

Lichinga

Dom Atanásio Amisse Canira, novo Bispo de Lichinga, convoca conselho presbiteral

O tema do encontro foi o conhecimento da realidade das 21 paròquias que constituem a nossa Diocese.

Dom Atanàsio apresentou as conclusões dos últimos encontros realizados na Igreja de Moçambique: a Conferência Episcopal, em Abril; a Visita ad Limina realizada em Roma no início de Maio e a beatificação da Ir.Irene graças ao milagre realizado em Nipepe (Niassa) em 1989.

Os relatórios das actividades das paróquias destacaram as pròximas celebrações jubilares das paróquias de Majune e Marrupa (50 anos) e Maùa (75anos), e apresentaram tambén algumas dificuldades económicas. Depois de um tempo em que foram dadas informações e prestados esclarecimentos acerca dos seminários, a catequese, projectos sociais, dìzimo e boletim diocesano, foi apresentado o programa das visitas do Bispo para conhecer de perto as realidades da Diocese e para se apresentar aos cristãos.Lichinga2-2

 

Numa realidade de mais de 800 comunidades (150 na zona norte e 650 na zona sul), mais de um terço - 300 comunidades - são assistidas pelos 9 missionàrios da Consolata nas paròquias de Massangulo, Nzinje, Cuamba, Mitucue, Maùa e Maiaca. Colaboram no serviço pastoral do Sr. Bispo 21 padres diocesanos e 4 missionàrios da Sociedade Koreana. Ainda uns 14 Institutos religiosos femininos e alguns leigos missionàrios. 25 são os seminaristas diocesanos e 2 os diàconos que irão ser ordenados sacerdotes no pròximo mês de Agosto.

 
Missionários da Consolata presentes em Maputo na Festa da Comunidade Portuguesa

Feira  Dia de Portugal

Consulado Português, convida os Missionários da Consolata para a festa que comemora o dia de Portugal

Conforme vem sendo habitual, o Cônsul Geral de Portugal, Gonçalo Teles Gomes, convidou a Missão de Santa Isabel da Guia e os Missionários da Consolata em Moçambique, a estarem presentes para a tradicional festa da comunidade portuguesa. Este ano, a festa celebra igualmente os 40 anos da Independencia de Moçambique

A Festa teve lugar no passado dia 6 de Junho no espaço da Escola Portuguesa de Moçambique.Feira  Dia de Portugal4

A representar a Consolata, estiveram os leigos Catarina e João, que dedicaram á Missão do Guiúa este ano das suas vidas.

Levaram vários artigos que representam actividades das missões, entre eles, o sal da salina dos Missionários, em Mambone; artesanato dos presos da Cadeia Central de Maputo, um projecto da Casa Regional de Maputo; esculturas em Madeira, da Missão de Maúa e  artigos de costura em capulana, feitos na missão do Guiúa.

Para além dos leigos, marcaram a sua presença outros missionários da Consolata. Foi uma boa oportunidade para divulgar a obra do Insituto da Consolata em Moçambique.

 

 
<< Início < Anterior 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 Seguinte > Final >>