Portuguese English Italian Spanish

Icon testemunhos

icon publica

ICON IMC90

Icons left ANUARIO

Justiça e Paz PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

Dentro de um plano de actividades individuais ou comunitárias, deve-se trabalhar em rede, junto com pequenos grupos que tenham um programa existente, envolvido em determinado assunto social;

deve-se viver em solidariedade especialmente com os marginados pela mesma sociedade, dando a conhecer a dignidade da pessoa, os direitos humanos e as demais actividades; deve-se estabelecer prioridades nas dimensões humanas e financeiras; deve-se procurar um equilíbrio que ajude entre pobreza e sociedade de consumo; deve-se fortificar os laços entre compreensão e perdão; deve-se tentar compreender a presença das estruturas de injustiça do sistema social existente.

Na actualidade, a perspectiva cristã aponta e denuncia a realidade das estruturas do sistema injusto no mundo.
A nossa fé incita-nos ao caminho da justiça, todavia outros interesses nos desviam desse caminho da integridade da criação. A injustiça causa a divisão, rotura e até morte quer física, quer psíquica.
A fome, a doença (falta de atendimento ou descuido), as diferentes violências, a falta de educação para uma boa relação (desde a família até a sociedade) são exemplos reais que podem levar à exclusão social e consequentemente à morte de ter de receber como privilégio aquilo que é um direito humano.
A lei foi dada a Moisés, não para ele pessoalmente, mas para o povo, para que a observassem juntos. Em conjunto juraram obediência e como prova ofereceram sacrifícios. Quando chegou o tempo de ser libertado, Deus tirou-os do cativeiro e, pelo deserto, conduziu-os para a terra prometida. No caminho aquele povo ajudava-se mutuamente a conhecer a lei de Deus, ensinando-a também aos seus filhos e descendentes.

 

jpic_copy